segunda-feira, 9 de setembro de 2013

O CÉU É O SEU LIMITE V

      A Autoconfiança é a Chave para o seu Sucesso
       O SUBCONSCIENTE – (CONT. Última parte) Carlos Barros.
      A Mente Humana na sua integridade tem como Câmaras para análise de comportamentos duas propriedades distintas entre si que são A MENTE OBJETIVA E A MENTE SUBJETIVA não precisamos fazer referências sobre, pois, por si só expressam as suas realidades metafísicas.
     Quero deixar bem claro aqui e isto é pouco ou nem explicado em outros tratados que se referem à Mente Humana, quando falamos em Mente Objetiva e Mente Subjetiva não queremos dizer que existam duas Mentes, e sim atributos de uma mesma e única Mente, portanto, são frações que comportam a existência complexa da Mente.
       Sendo a Mente Dual como tudo o é no Universo permite-nos analisar as duas polaridades que a compõem da seguinte forma: a OBJETIVA como a prática, aquela que está mais próxima da realidade material e a SUBJETIVA o lado Oculto que opera apenas, nas sutilezas do Ser em preservação a sua integridade não interferindo no campo pensativo Humano até que haja necessidade premente ou que seja solicitada a sua ação, o que ocorre naturalmente é inconsciente.
         A Mente como acabaram de ver está dividida em PESSOAL E IMPESSOAL.
     Aquela fração que exatamente representa a metade da Mente Humana e que está relacionada com o plano material tem a sua polaridade Negativa, portanto é terra, a qual chamamos de Pessoal ou Objetiva. Este lado da Mente é o grande criador de conflitos por estar ligado diretamente ao eu, por esta razão é, indiscutivelmente, a geradora do Carma que terá sobre si a ação da Inexorável Lei de Causa e Efeito que durante a trajetória reencarnacionista se encarregará de regular os comportamentos humanos em defesa de suas evoluções. Temos nessa metade Mental noventa e sete por cento de atividade que laboram em constantes vibrações com o intento de fazer com que o Ser encarnado em um corpo físico não perca a sua conexão com a terra, entretanto três por cento do campo Oculto ou Impessoal penetra na matéria para que esta de tempos em tempo sinta a necessidade de entender a sua condição metafísica, ou seja, a Alma que anima entra na matéria com três por cento de si mesma para que um dia seja buscado a sua origem pela comunhão das duas.

      A outra metade é Positiva, o lado Espiritual da Energia Mental. Este é o campo que a tudo guarda para que um dia possa vir a vibrar em uníssono com sua aparente contraparte a matéria. Um sem o outro não poderiam existir e, apesar, dos conflitos gerados são dispostos a realizarem-se pela harmonização e assim darem nascimento ao Ser Universal. Porém, até que isto aconteça haverá uma grande jornada onde os noventa e sete por cento desta metade se mantém passiva, atuando somente nas horas de mais precisão para que não aconteça um novo Caos e que teve a humildade de permitir a inclusão de três por cento da materialidade dentro de si para não esquecer de que só é possível alcançar a Ascensão com perseverante labor sobre a matéria. O desenho abaixo nos mostra como funciona nossa Mente em sua totalidade. Pode ser copiada para estudo.
    Agora nos ateremos nas ações que estas faculdades mentais exercem sobre as personalidades as quais estão inseridas para decretarem a Libertação e Manifestação do Ser como Indivíduo Deificado e Unificado na Essência. Quando entendermos esta composição aflorarmos a possibilidade de qualquer uma das potencialidades permitir que os três por cento que tem dentro de si da sua contraparte possa se expressar, então já teremos dado grandioso passo no campo das realizações por deliberada vontade e escolha, enquanto isso não acontecer teremos, apenas, vislumbres e as manifestações serão esporádicas para que não percamos a Fé em continuarmos. A Fé aqui falada é científica e não religiosa, porque a religiosa lhe leva a acreditar no externo, em algo ou alguém de fora que poderá resolver o seu problema, já a Científica lhe conduz a convicção de Crer em si mesmo, fazendo ciente de é um Poder Emanante, mas, latente, entretanto, depende só de cada um se aceitar como uma Gota Poderosa de um Manancial Oceânico.

         Mente OBJETIVA ou PESSOAL
        Este lado na mente é aquele que está envolvido com o mundo dos acontecimentos, das consequências, dos efeitos e das preocupações com as aparências. Para poder se fazer presente no mundo das formas tem como duas propriedades que lhe servem de Orientadora e Guardiã que são a Consciência e a Inconsciência.
    A Consciência é aquela que avisa dos perigos que poderão advir de atos inadequadamente praticados quando são de conhecimento de causa se não respeitadas às orientações a responsabilidade fica no campo dos efeitos que poderão se manifestar por dores e sofrimentos, porém, se estiverem no campo do desconhecimento destas causas, então, é de responsabilidade do inconsciente que assumirá a obrigação de trazer a tona consciencial em próxima atitude que por ventura possa vir a se praticar os mesmos atos.
       Nestas qualidades da Mente temos as grandes criadoras de Carma quando não desenvolvidas e que se encontram dentro daqueles noventa e sete por cento que perfazem a totalidade da personalidade material.
             Já o afloramento da Consciência e o discernimento sobre o certo e o errado estão nos três por cento que se infiltraram na matéria para que não houvesse constantes distúrbios propostos pelos desatinos dos menos esclarecidos. Servem, também, daquele alento que instiga a continuar-se em busca de dias melhores mesmo depois que muita coisa ainda não deu certo. Liberta no homem a Esperança e a Caridade e determina pelas diminutas formas que tem para poder realizar em favor do ser o sentimento de que nada está perdido e desde que se queira o impossível passa a ser, apenas, um subterfúgio aos que não tem a coragem de se arriscar.
        A mente tem a suas artimanhas para nos fazer desenvolver e alcançar, nos ensina durante a jornada que a cada tropeço é uma forma muito significativa na evolução se deles soubermos tirar o melhor proveito e ensinamento. Como o passar do tempo vamos aprendendo a reconhecê-los no caminho da Ascensão Físico/Espiritual.
          As duas propriedades são diferenciais nesta caminhada e as nossas ferramentas mais perto de nossas possibilidades de uso que se encontram.

            Mente SUBJETIVA ou IMPESSOAL
         A Mente Subjetiva é aquela repartição onde se encontram guardados a Sete Chaves os Tesouros Ocultos a que os homens têm por direito adquirir durante as suas existências terrenas, desde que para isso se coloquem a disposição da pesquisa e desenvolvam conhecimento. Não será permitido a ninguém acessá-los sem que provem merecimento para tal. Dentro deste compartimento mental são analisados e pesados os todos os pensamento e ações emitidos pelo pensador que passará a ser alvo de crivo purificador para que mereça que seus desejos se realizem. Aqui é aonde acontecem às passagens do pensamento ao molde o qual é executado pelo Subconsciente sendo um elemento mental muito criterioso busca realizar todo pensamento liberado pela Imaginação, entretanto, terá que passar pelo Mental Supra Consciente o grande liberador do Carma, para que seja feita a análise das possibilidades conscientes e inconscientes dos acontecimentos que se transformaram em consequências ou regozijos e conforme o prato da balança que mais baixar será o responsável pela demora ou na rapidez da manifestação desejada. Porém, tudo se manifesta.
        O Supra Consciente é a Grande Ordem de Tudo, pois, tem a seu comando escolher o momento em que será liberada toda a formação que se deseja expressar como matérias, sentimentos, condições financeiras ou quaisquer coisas que se almeje.
      Estamos no ápice da montanha e aqui vamos começar a entender o porquê alguns enriquecem com mais facilidade do que outros; porque esse ou aquele já nasce mais assoberbado do que outros; com as relações humanas acontecem às mesmas situações aonde em algumas associações predomina a harmonia enquanto em outras predominam as adversidades e mesmo assim não acontecem as rupturas por que tudo passa pelo Crivo da Inexorável Lei de Causa e Efeito como proposta fundamental da Mente Supra Consciente para poder manifestar o desejável. Nada termina sem que tenha findado todas as possibilidades de reconhecimento das causas em função dos efeitos em evidência.
         Este é o caminho do entendimento para que se possa elaborar o contexto que se almeja realizar na vida. Existem fronteiras as quais para poder passar, a personalidade humana precisa de permissão que só será concedida mediante reflexão e lembrança de que aquilo que se pede um dia já foi adquirido e mau uso se fez do concedido, entretanto, as Leis Mentais não se valem disto como uma condição para não atender ao pedido novamente, apenas, exige uma reflexão como se retratação fosse e quase como que em um ato de auto perdão para que se tenha nova oportunidade.
          A maior dificuldade está quando determinada situação foi realizada em vida passada, a lembrança fica difícil de tê-la, por esta razão quando se solicita ao Poder mental e seus Atributos que operem a manifestação, faz-se antes um pedido de auto perdão, imediatamente, penitenciando-se com devoção ao Criador pelas faltas cometidas em vidas passadas e pelo mau uso que se fez dos benefícios recebidos em seguida prometendo o uso consciente para que não haja acometimento do mesmo erro, na nova oportunidade dada. Desta maneira, tudo é possível.
         Por esta razão, ter dito anteriormente que o segredo é sugestionarmos fortemente a Mente Subconsciente para que não tenha dúvidas nenhuma em ir à busca de ajuda para precipitar desejos e sonhos em todos os sentidos. A Chave para a abertura deste Portal está na convicção de que estamos verdadeiramente arrependidos e assim, reconhecidos das faltas nos libertamos do Carma e voltamos a Prosperar. Terminado o processo o Homem descobre ser Autoconfiante e suficientemente apto a desejar e realizar.

            A DIFICULDADE DE REALIZAR
           Quando afirmamos que as coisas a se realizar para uns é mais fácil do que para outros, está exatamente na maneira como até, então, foram aplicadas as Leis Mentais para que as metas fossem atingidas neste AQUI E AGORA. Durante muito tempo de nossas vidas gastamos energias em vão. Estas Energias não são comuns, a maneira como retiramo-la de dentro de nós para fúteis aplicações ao retornarem, pois, retornarão, trazendo consigo tudo aquilo que determinamos consciente ou inconscientemente para as nossas vidas. Estas Energias não se dispersam de nós porque são a razão de sustentabilidade para ação das Leis Mentais que através dela atuam na manutenção e preservação dos corpos físicos e corpos deles mesmos os mentais ativos. Como agem com Forças análogas daquilo que pensamos e por não sermos convictos nestas expressões, em muitos casos as banalizamos, atraindo para nosso convívio o que estiver inserido nas formas pensamentos. Sobre as mesmas já fizemos referências que são as Leis de Atração e Coesão.
         Toda Energia quando sai de nós em forma de pensamento ou ação deliberada é um Ímã que vai a vertiginoso movimento em busca dos afins que lhe sobrecarregaram como responsabilidade de ação para voltar com o que lhe foi solicitada capturar no mundo atômico. Ao retornar entrega ao Mental Ativo, a mercadoria solicitada para que seja moldado e expressado o desejado, porém, dependendo da condição pensativa, desde o nascimento até a chegada a Câmara para Realizações, é o que permitirá virem a ser ou não. Caso sofram o crivo do não realizável voltam ao mundo atômico e com isso vamos perdendo Forças em todo complexo corpóreo físico e mental.  
         Todo este trabalho é minuciosamente operado em um tempo tão ínfimo que acredito não termos a condição na Terra, ainda, de medi-lo, pois, tem a exata proporção da bilionésima parte de um segundo. Durante a atuação perde parte da sua Força Energética recebendo o mesmo tempo para se recarregar e puder retornar ao exterior com novo pedido e assim sucessivamente até que as Forças desta Energia, que nos acompanha desde o nascimento, se esvaia e a Mente enfraqueça; os corpos físicos decaem e a morte passa a ser um subterfúgio para que voltemos em nova oportunidade, em um novo corpo, aí sim, com a Energia completamente renovada para recomeçarmos nova caminhada.
           Entretanto, Não precisa ser assim!
        Temos condições e faculdades que nos permitem não gastarmos mais as Forças de nossas Energias sem que seja para causas justas de crescimento e desenvolvimento naquilo que se refere aprimoramento físico mental. A aprendizagem da disciplina, da concentração, da memorização sem esforço de ação é que fazem a diferença na manutenção das Forças Energéticas dos corpos que compõem o complexo humano.
        A humanidade, a Ocidental, principalmente, vive mentalmente presa ao somente ser obrigada a ganhar dinheiro, este pensamento consome mais da metade da vida de um ser humano, por este sentimento enrraigado no mental ativo se perde a humanidade em delírios absurdos de que tem que melhorar financeiramente para poder ser feliz, a Felicidade não está na quantidade que você tem de dinheiro, mas, na forma como você harmoniza a quantidade que tem e isto se chama administração consciente.
            Por causa do vil metal os homens e mulheres perdem horas e horas de sono pensando como farão para pagar a conta que amanhã vai bater a sua porta, meu amigo, minha amiga, este amanhã poderá nem chegar e você viveu um pesadelo sem necessidade, quando dormires entregues ao Senhor da Paciência que habita teu interior a possibilidade das situações se reverterem a teu favor, talvez, não consigas pagar a conta no dia seguinte, mas, com certeza terás um ânimo muito mais forte e saudável para captares as condições necessárias ao cumprimento com o teu dever.
        A Maior dificuldade da humanidade é por contrair dívidas, aqui existe um erro de expressão, pois, quando alguém fia alguma coisa a outrem é porque este foi digno de confiança, portanto, não tem dívida nenhuma contra si, apenas, tem para com o outro um ato de dever a cumprir que esteja na condição de não deixar que se quebre a confiança adquirida, mas, não dívida, aquele mesmo ao conceder a oportunidade não tinha certeza de que o outro o pagaria. Correto? – A não ser o compromisso da responsabilidade para com a CONFIANÇA depositada.

             A CULTURA DO AMANHÃ
            A busca desenfreada pelo dinheiro ou por qualquer coisa não leva a lugar nenhum que não seja ao desespero pela frustração do não alcançado. Este estado de ânimo cria uma insatisfação interna que com o passar do tempo ela passa a se exteriorizar e vimos determinadas pessoas só reclamarem das suas más condições, muitas vezes, inclusive, bem empregadas, com bom dinheiro a disposição, casa própria, mas, mesmo assim, suas vidas estão envoltas numa névoa de frustrações adquiridas sem necessidades, vimos outras, passarem uma vida inteira jogando em loterias, Mega senas e outros tantos jogos que por aí existem para iludir os humanos – Porque Iludir? – Porque jogam para ganhar no amanhã e empurram com a barriga para um local que ainda não chegou e sem a certeza de que chegará e a sua possibilidade de ser Feliz; Próspero e Sadio é mais uma vez empurrado para adiante, portanto, não vos preocupeis com as coisas do amanhã, mas, sintais-vos muito Ricos agora, neste presente que se não fosse para ser uma Dádiva Divina não teria este Nome P R E S E N T E, mas, qualquer outro.

            AMANHÃ SERÁ MELHOR
        Nós temos uma cultura baseada em possibilidades que advirão e não a de que já estejam em ação. Acreditamos amanhã tudo será diferente e com esta impressão deitamos e adormecemos, quando amanhece o dia nos preparamos para vencermos porque o amanhã chegou para ser outro dia, e dentro de algumas horas vimos que nada mudou.      Por quê?
         – Por que, independente de termos levantado ao amanhecer com a ideia de tudo melhorar nós continuamos com a fixação na Tela Mental de que Amanhã será melhor, portanto, o que precisamos fazer é apagar esta imagem errada de empurrarmos para frente o Sucesso e começarmos a viver o aqui e agora como tudo já realizado.
            Se quisermos sucesso não se pode continuar afirmando “EU VOU SER...” devo mudar para “EU SOU MUITO...”
          Passa-se durante o dia por alguns percalços e quando chegamos à casa a noite tomamos um banho, jantamos e conversamos pouco com mulheres e filhos e se falamos sobrecarregamos nossos familiares com os problemas acontecidos ou que estejam acontecendo do lado de fora do lar, não importa se no trabalho, com colegas ou mesmo em adversidades no trânsito e com isso perpetua-se sofrimentos e dores e tudo porque não se entrega aos cuidados do passado ao que ele é de direito para que o próprio tempo dentro deste tempo opere o milagre da transformação. Assim evitaríamos a continuidade da ação deprimente, sem que ela tivesse a oportunidade de vir a fazer morada em outras telas mentais e nestes casos a aplicação da máxima de que “O SILÊNCIO É DE OURO” é muito bem vinda.
            A palavra Esperança tão falada e tão abençoada como dizem é uma expressão sem conotação nenhuma de crescimento ou de ajuda. Não é justo que sejamos levados a acreditar que um dia ser-se-á Abençoado a termos tudo aquilo que almejamos. Não sou obrigado a crer que preciso ficar a espera de uma herança, pois, desde muito jovem sempre acreditei que quem espera por alguma coisa está empurrando com a barriga as suas possibilidades de obtenção para um amanhã que na minha concepção não existe e olha que já tenho sessenta e um anos de idade, uma saúde de ferro e tudo que almejei conquistei neste agora com forte determinação, inclusive o Conhecimento que vos passo. Por isso a palavra ESPERANÇA para mim é improdutiva ela me conduz a ficar a ESPERA de uma HERANÇA – ESPERA+HERANÇA = ESPERANÇA. Eu Sou um herdeiro Cósmico como todos o são, portanto, aprendamos a viver e usufruir desta herança no Agora, porque se deixarmos para amanhã não conseguiremos viver o PRESENTE e muito menos o FUTURO e se um dia viermos a morrer que seja depois de um lindo e salutar Viver. Tudo o que desejares sinta-o com forte determinação de o já ter em suas mãos e esta dádiva não lhe escapará ao alcance.
              A determinação com que executarmos qualquer pensamento será a sua manifestação na ação, independente, de desejada ou não.
              Vou explicar:
           Em um momento da vida passamos por alguma situação que naquele instante muito nos incomodou, no trânsito, por exemplo, bem banal: Alguém nos fecha a frente do carro precisamos tomar uma atitude muito rápida para evitarmos um choque e até algo pior. Conseguimos sair ilesos da situação, mas, em muitos casos vimos brotarem palavras de baixo calão e todo tipo de impropérios manifestam-se naquele ato, sem falar nas ameaças metafísicas que saem como – tomara que se arrebente ali na frente! Foi desejado isso? – Não, mas, foi pensado e muitas vezes falado, portanto, uma entidade criada que buscará o seu intento realizar e não encontrando guarida de aceitação no outro mental retorna a sua base com a mesma força com que foi emitida, porém, aguarda o tempo certo para agir. É, então, quando o ser se sente um coitadinho que não merece isso ou aquilo, fazendo com que se manifeste o sentimento das frustrações sem aparentes causas, entretanto, foram efetivadas na falta de conhecimento com relação ao retorno das energias que de nós constantemente estão saindo e voltando no cumprimento de seus deveres para com o Mental Ativo e seus Atributos de Poder Criador.
          Posso fazer seguinte pergunta a mim mesmo perante o acontecido! – O conheço? Independente de sim ou não o abençoo a seguir o seu caminho em paz! Desta forma me livro da Lei que Retorna, pois, não sabemos de onde Ela vem por não termos consciência da forma, quando e contra quem a emitimos aleatoriamente. 
            Este foi um exemplo simples de como as coisas acontecem e porque acontecem em nossas diárias vidas!
          Agora os convido a uma reflexão mais profunda sobre tudo o que aleatoriamente liberaram durante o dia sem ao menos procurar saber se aquilo era realmente importante ou não. Gosto muito de dizer que se pensa de mais em abobrinhas e estas quando vamos pagar a conta nos saíram muito caras. Jamais teremos controle absoluto sobre os pensamentos, entretanto, poderemos desenvolver a condição do filtrarmos somente aqueles que queiramos para s nossas vidas e a eles daremos atenção elevadas, aos outros, apenas deixemos que sigam seus ciclos naturais e cumpram a suas metas no trâmite da Evolução.
           Assim é com o dinheiro, com a saúde, com os relacionamentos amorosos, de amizades ou sociais como um todo,         ao darmos poder deliberamos energias, que executam Ordens especificas de realizações sem julgamento de malefício ou benefício, apenas, cumprem seus mandados de busca e apreensão porque assim foram ordenadas e aos pensadores (homens) cabe à disciplina desta Ordem Mental para que ocorra a Justiça e a Perfeição em todas as expressões solicitadas. Caso contrário à ansiedade para encontrar algo será notória a perda de outra, ao buscar-se desesperadamente pelo dinheiro poderá ocorrer com a perda da saúde e o inverso, também, será verdadeiro quando a ação da Lei fizer a cobrança. O Tempo e o Espaço não existem a não ser na concepção mental do indivíduo e aquele para o qual devemos dar maior atenção é o AQUI e AGORA e por ser DÁDIVA DIVINA leva o sublime nome de PRESENTE, este é o PONTO onde será fabricada a CHAVE SAGRADA que abrirá os PORTAIS DE OURO. Dentro deste minúsculo campo de ação é aonde operam todas as Leis Mentais que nos referimos ao longo destes dias e ele, também, representa a exata duração de nossas vidas – porque perdemos tempo com abobrinhas? – Se podemos nos banquetear nos Salões de festas do Grande Mestre Interior.
             Vejam bem as Abobrinhas aqui são figurativas, pois, elas são de suma importância nas alimentações humanas... Não vamos criar um Carma a favor das Abobrinhas...
               Espero que tenhamos nos feito entender, portanto, nada cai do Céu por mão beijada, mas, você está neste mesmo Céu com tudo ao seu alcance é só se preparar para o SUPREMO MANEJO. Diz a Ciência: “A PRÁTICA FAZ O MESTRE”...
              Chegamos ao final desta explanação e sabemos agora porque o Céu é o nosso único Limite com tudo o que há dentro de seu Infinito LIMITE...
               Que Vocês Realizem Todos os seus Sonhos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário