quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

O INSONDÁVEL MISTÉRIO DO SER xix


O INSONDÁVEL MISTÉRIO DO SER.
xix
EU SOU, LUZ, SAÚDE PLENA E PAZ!”
Átomos..., ou Semideuses?
Na bilionésima parte fragmentada de um Átomo está a Partícula de Deus O Poderoso Elohin Criador atuante no Cerne da Máquina Humana, O Corpo.
Esta Fração da Inteligência Primordial é a forma Universal que nos onibarca e está ligada aos anseios da Energia Cósmica para tudo realizar. Somos o objetivo maior destes Trabalhadores Celestiais que no anonimato de suas ações se alocam a nosso dispor e realizam as nossas vontades e os desejos que emitimos completamente destituídos da inquietação da análise sobre suas qualidades se benéficas ou maléficas, eles, apenas, cumprem o Decreto emitido pelo Livre Pensador. São Forças Poderosas que obedecem cegamente ao seu Superior, a Mente que onibarca o Corpo para o qual executam serviço de Criação, Manutenção e Preservação.
No desenvolvimento Anímico/Consciencial e Psicobiofísico estas Fagulhas Luminosas são Poderosos Guerreiros que não sabem o que é limite de ação, o que lhes permite realizar tudo o que lhes enviamos através do Pensamento. Não somos nós que somos Ilimitados, mas, Eles o são e sem limites realizam tudo que passam pelos nossos Mentais/Ativos. Agora podemos ter a certeza firmada nas consequências que nos acarretam a vida cotidiana de forma casual como já dissemos, porque sem termos controle sobre aquilo que pensamos passam por nós bilhões de pensamentos durante o dia e muitos direcionados ou porque somos antipáticos ou porque temos a capacidade de ajudar outros e nas horas em que se veem em apuros buscam socorro pensando em nós e ao não sabermos ler os sinais que se apresentam podemos ser influenciados por estas entidades pensativas que nos buscam para que se realize o auxílio, também, recebemos uma gama forte de interferências no campo penso/ativo motivado pelas atitudes que temos para conosco mesmos.
A maneira como nos pensamos libera uma onda Vibratória que se estende e expande no Universo que envolve a terra com uma velocidade incapaz de ser medida com a única finalidade em encontrar afins ao que pensamos, permitindo que sejamos bombardeados por toda espécie de vibrações que não conseguimos imaginar as suas forças operantes, mas, ao chegarem a nosso campo de recebimento são entregues aos Elohins para que executem a ação Criadora. Por isso, sofrermos avarias primeiramente emocionais para depois se fazerem manifestas no corpo. Quando elas chegam a Câmara das Emoções, temos a possibilidade da mesma forma como chegaram não permitirmos que se instalem, assim o nosso Corpo Emocional é o Termômetro destas influências para o qual não somos acostumados a dar muita atenção e normalmente entramos no joguete das causalidades e nos perdemos por desalinhamento energético da segurança que parecíamos ter com muita certeza, este abalo nos leva a baixa imunidade do corpo que permite, então, a realização dos objetivos que nem sempre são os que desejávamos estar vivendo, mas, aqueles que como vampiros entram e se instalam nas nossas vidas sugando as nossas energias, fazendo com que noventa e sete por cento da humanidade viva nesta gangorra oscilatória entre o bem e o mal.
Voltando a falar sobre minhas experiências pessoais
Fiz a grande descoberta de que nestes momentos cruciais não me adiantava gritar, espernear, brigar e reclamar aos céus porque da injustiça, assim aprendi que nestes instantes eu precisava era silenciar, esperar o tempo necessário para que se gastasse aquela forma destruidora que não me pertencia e assim desenvolvi a Calma Interior que reconectou-me e vejam bem, comigo mesmo, com a minha essência mais pura que tem em si todas as soluções para estes desmandos do pensamento sobre os quais enquanto não desenvolvi o controle não tinha condições de evitar o seu chegar.
Nestes últimos ensaios estou falando um pouco de mim mesmo, colocando de forma aberta as minhas experiências no campo metafísico e físico, o que não é de muita praticidade daqueles que trabalham comportamentos por motivos que cada um desenvolve a sua formula de expressar como se o “eu” não fosse importante, entretanto, penso que se eu não conseguir provar em mim mesmo aquilo que distribuo estou sendo incoerente e hipócrita comigo mesmo, com esta postura consegui vencer todos os obstáculos que se apresentaram a minha jornada, alguns tive a impressão de que não iriam ter fim e hoje posso passar aos que me leem ou me ouvem que não se preocupem porque tudo é passageiro, desde as coisas mais banais até a mais violentas tem o seu tempo de ação proposto pela maneira como as mantemos em atividades em nosso mental/ativo. Significa que quanto mais força usarmos na alimentação de uma situação adversa mais ela irá manter-se em ação. Cabe a cada um determinar o fim de seus males com a mudança focal em algo diferente daquilo que estamos tendo como “negativo”, porém, o inverso, também, tem o mesmo valor de transformação.
Sei que sou repetitivo em algumas colocações, pois, acredito que estas reproduções sistemáticas se fazem necessárias para que possamos calar em nossos mentais formas que nos habilitarão a desenvolver um pensar saudável.
Ao repetirmos Decretos, Formulas e Afirmações, sugestionamos nossos Elohins Criadores a nos ouvir e realizarem somente o que almejamos e não tudo que mandamos inconscientemente ao forno transmutador.
O mundo e as sua Ilusões
As Ilusões são as molas que movem o mundo físico aos quais tem por poder nos conduzir por caminhos perigosos e cheios de armadilhas. Para que entendamos as suas mecânicas precisamos voltar a determinadas situações em que nos sentimos cheios de esperanças na realização de algo e este não deu certo. Por quê? – É simples, porque ao invés de focarmos de forma a enxergarmos o objetivo almejado com força de realização nos deixamos perder nas malhas da ilusão e ao oposto dos sonhos entramos nas Câmaras dos devaneios que não nos conduzem a lugar nenhum que não seja ao do trauma que se manifesta quando algo não acontece da maneira como o vivenciamos nesta casa das Ilusões. A Ilusão nos tira os pés do chão e nos faz enveredar por um caminho nocivo, aonde somos convidados a extravasar deslumbres e arroubos de alegrias antes dos fatos desejados acontecerem, contamos vantagens, alardeamos aos quatro ventos aquilo que desejamos como já atingido e desta maneira entregamos ao inimigo nossos métodos de realização e podemos ter a certeza que por assim agirmos ali na frente nos sentiremos frustrados e mais uma vez perdidos sem saber o rumo a tomar e isto é experiência própria, eu comprovo, e já vi muita gente em idênticas condições pelas quais hoje me dou o direito de repetir a célebre frase de Sócrates:
A PALAVRA É DE PRATA E O SILÊNCIO É DE OURO”.

As Vidas são construídas de Ilusões, erros e acertos, mais erros do que acertos, se não concordarem basta que deem uma mirada nos hospitais, na fila de emprego, nas dificuldades humanas, esta visão não precisará nem ser muito acurada para se perceber que a maneira como a humanidade está pensando a sua vida é a responsável pelos infortúnios que tanto enreda, pois, ao elaborarem a caminhada na Estrada da Vida esquecem-se de definir certas atitudes que devem ser aplicadas na trajetória e assim me incluindo deixamos, então, que a vida nos leve a seu bel prazer, de roldão, marionetes das circunstâncias não desejadas, porém, sempre é tempo para mudarmos o contexto e darmos uma guinada de cento e oitenta graus a favor de uma Vida Saudável e Próspera que nos permita levarmos a Vida querida sem mais as interferências das Ilusões.
Posso ser questionado:
Mas, então, não devo mais Sonhar? – Porque não, Sonho não é Ilusão! Sonho Consciente e trabalhado em seu próprio escopo é Matéria Prima a ser usado na Câmara das Realizações.
Quando chega a esta área da manifestação já estando filtrado e livre do ilusório é sabido que a sua expressão se fará para engrandecimento e não somente para satisfações do ego que a tudo quer para não perder o domínio sobre os seus fantoches que somos nós os humanos, portanto, continue sonhando sim, mas, seguro do que desejas!
Planejando o Sonho
O ego não admite a ATITUDE ou “A ti Tudo” e justamente neste estágio do acreditarmos ser tudo possível é que deverá nascer o Planejamento do que queremos para aquele Amanhã que ainda não existe, mas, já é prenhe no hoje, desta maneira construímos uma vida baseada em fundamentos pensados para que venhamos a não ter que pesar e medir valores que atrás deixamos a desejar. Assim os Sonhos se realizam em bases sólidas, alicerçadas em solo firme.
Esta edificação é sistemática e deverá ser muito bem organizada em princípios elevados para que haja a obtenção de resultados satisfatórios.
Aquele processo que existe em determinado momento da nossa existência em que deixamos a Vida nos levar, passa e o peso da responsabilidade pelo não planejar vem à superfície e faz forte cobrança.
Quando nos conscientizamos desta propriedade para com o trajeto, adquirimos a certeza de que cada passo dado foi muito bem elaborado e a segurança é o Louro da Vitória. Por isso insisto em voltar, a saber, pensar o corpo, o mundo, a Vida como um todo para que não venhamos a sofrer julgamento próprio naquele “Futuro” pré-elaborado no Aqui/Agora. Existe uma cobrança muito comum quando paramos para analisar comportamentos passados onde perguntamos a nós mesmos:
Aonde foi que eu errei? – Não errei! Simplesmente não me ative em acertar!
Foi dito anteriormente que:
A humanidade é detentora de assombrosas habilidades e poderes mentais. As usando e aplicando de maneira errônea e inconsciente durante toda a sua vida na necessária evolução de seu Ser não tem noção de seus resultados. Sendo na ordem da inconsciência é lógico que está exercendo sem conhecimento de causa o que lhe faculta um determinado desconto, porém, mesmo assim lhe acarreta grandes sofrimentos e dores desnecessárias”.
Uma destas qualidades é a brilhante capacidade de planejamento que lhe é peculiar, mas, por motivos óbvios é relegado a outro plano, ou seja, somente aplica tal desenvolvimento quando parece tudo estar perdido, primeiro vindo o desânimo por não ter pensado antes e que talvez agora seja tarde assim caminha mais um pouco desalentada até que toma novo ânimo e se recoloca a busca pelo melhor de si mesma, porque nunca é tarde para se começar ou recomeçar seja lá o que for, pois, temos tanto tempo que o próprio tempo nos deve tempo.
A Vida nos impulsiona para frente sempre, independente de como a pensamos, muitas vezes somos condicionados a acreditar que estejamos regredindo, mas, isso não é possível, ninguém volta para trás, o que pode acontecer é estacionarmos no tempo e não avançarmos no Campo Físico, porém, o Campo Metafísico não interrompe jamais a sua trajetória, por mais obstáculos que na Vida possamos ter o Campo Anímico está canalizando, filtrando e acumulando informações que serão usadas na Chamada Evolutiva por aqueles que conhecemos como os Criadores Internos, os nossos amigos Elohins.
Vamos agora digerir mais um pouco estas informações e daremos continuação adiante!
Que Luz, Saúde Plena e Paz sejam Constâncias no meio humano!
Paz e Progresso a Todos!
EU SOU,
El Pensator!
Carlos Barros.

Um comentário:

  1. Bom Dia Marcelo Cesar Rodrigues, parabéns pelo vídeo acima postado, muito esclarecedor em sua íntegra, pois, nos reporta a entendermos aquilo que viemos escrevendo no teu site O PODER DA MENTE CRIATIVA no que se refere “O Insondável Mistério do Ser” onde procuramos retirar determinados véus que obstruem o Conhecimento sobre nós mesmos.
    Sem dúvidas nenhuma O Grande Mestre nos deixou legada uma Sabedoria Íntrinseca, na Bíblia em parábolas e no Homem no Átomo aonde temos o Fragmento/Inteligência como o nosso Construtor Interno “Os Poderosos Elohins Criadores”, que têm por merito executarem pensamentos e ações de seus livres pensadores que somos nós. Este Fragmento Divino é o DEUS que nos habita assim como habita qualquer Átomo que perfaz a totalidade Universal. Vale a pena ser visto a cada leitura do texto postado para seu entendimento. Aqui fica para futuras explanações uma reflexão: Seria por ventura o Átomo a tão falada ARCA DA ALIANÇA feita entre DEUS e os HOMENS? Qual Segredo DEUS guardou no Interior do Átomo? Porque até a Ciência tem dificuldades em acessar? Chegaremos lá! EU SOU, El Pensator!

    ResponderExcluir